04/07/2021
Notícias do Programa Jovem Aprendiz CCEA

O mês de junho foi marcado pelas apresentações dos Planos de Gestão Ambiental – PGA didáticos para o Centro Cultural Escrava Anastácia, construídos pelas turmas do Programa Jovem Aprendiz, a partir dos conteúdos tratados nas oficinas de Meio Ambiente e Sustentabilidade que foram coordenadas pelo educador Eduardo Michereff, formado em Geografia e Técnico em Meio Ambiente. Veja o que disse o educador no vídeo em que fala da metodologia tratada neste módulo.

Cada turma apresentou para a Diretoria e colaboradores uma proposta para o Plano de Gestão Ambiental demonstrando o conhecimento adquirido e as habilidades como propositores de ações que gerem impacto positivo nas questões de sustentabilidade ambiental dentro da organização. A partir destas ideias, será elaborado pelos jovens e coordenação do Curso de Rotinas Administrativas, um projeto formal para que a administração do CCEA mobilize recursos e possa executar.

Todos os envolvidos consideraram a construção dos planos um momento de aprendizagem muito produtivo e condizente com a formação cidadã e a preparação para o mundo do trabalho. Alguns registraram seus depoimentos:

De longe uma experiência única da qual me deixou uma sede e um sentimento de “quero mais”. Sinceramente, eu não esperava que nos dariam tanta oportunidade como nos deram, nem de tamanha proporção que se tornaria esse projeto. De início, achei que seria apenas mais um trabalho em sala, mas quando vi já estava apresentando o projeto para a diretoria do CCEA, e com certeza isso foi incrível! Espero que nós possamos tomar frente e fazer acontecer todos os planos apresentados, tirar do papel e finalmente colocar a mão na massa.

VITÓRIA TEREZINHA BARBOSA  – JOVEM APRENDIZ na empresa NDTV

Para mim, fazer o Plano de Gestão Ambiental – PGA foi uma forma de trazer um projeto passado de volta à vida, e desta vez com a ajuda de muitas outras pessoas que querem fazer a diferença e ajudar o meio ambiente; pensamos em algo que realmente estivesse ao nosso alcance, atitudes simples que pudessem melhorar o nosso dia a dia dentro do prédio do Centro Cultural Escrava Anastácia, incluindo e educando os jovens para atitudes mais conscientes.

LAYS JACQUES DE OLIVEIRA – JOVEM APRENDIZ  na empresa WKOERICH/CCEA.

Observando-se todo o trabalho feito ao qual apresentamos a todo o Centro Cultural, verificamos que algumas medidas apresentadas já estão sendo postas em prática, como por exemplo a nomenclatura nas lixeiras e um aviso na porta da instituição informando que somos um ponto de coleta de óleo. Além do mais, o intuito desse nosso projeto visa mudar a mentalidade principalmente dos jovens e daqueles que estão à frente do Centro Cultural para entenderem a importância de um trabalho pautado na sustentabilidade ambiental e progresso da instituição como um todo. Percebemos também que os jovens que apresentaram o trabalho se interessaram pelo tema, interagindo com os alunos e até com a própria diretoria. Em suma, termino esse relato com um frase que diz o seguinte: “Todo conhecimento só tem valor quando for utilizado para servir de ponte para alguém, quando ele for um instrumento de libertação”, ou seja, nosso trabalho tem esse real objetivo mostrar que podemos melhorar a vida das pessoas através de uma instituição que tem como pilar o conhecimento responsável e prático visando a melhora do intelecto dos alunos para assim mudar pouco a pouco nossa sociedade.

AUGUSTO SANDRO FREITAS FLORINDO – JOVEM APRENDIZ da turma JA04

Me surpreendi bastante com o resultado dos Planos de Gestão Ambiental – PGA  desenvolvidos pelas turmas dos nossos Jovens Aprendizes. Quando iniciamos a oficina de Meio Ambiente e Sustentabilidade, esse era um dos desafios dados para o Educador. O Eduardo conseguiu fazer com que os jovens entendessem a importância do assunto e, quando a iniciativa parte dos jovens, fica muito mais fácil de acontecer.

VERA SUSI RITA – COORDENADORA DO PROGRAMA DE APRENDIZAGEM DO CCEA

Foi uma surpresa gratificante ver a qualidade do conteúdo apresentado e a desenvoltura dos jovens em apresentar as propostas. O assunto é de interesse de todos e o comprometimento com a causa é indispensável.

A Terra é o único mundo conhecido, até hoje, que abriga vida. Não há outro lugar, pelo menos no futuro próximo, para onde a nossa espécie possa emigrar. Visitar, sim. Assentar-se, ainda não. Gostemos ou não, a Terra é onde temos de ficar por enquanto.” Carl Sagan

DANIEL BORK – GERENTE DE PROJETOS DO CCEA

Como voluntária da Diretoria, parabenizo os jovens pelas excelentes apresentações e toda a equipe e educadores pela qualidade do nosso Curso de Jovem Aprendiz. A Diretoria se compromete a mobilizar os recursos necessários para a execução do projeto que será escrito como resultado das atividades didáticas de construção do Plano de Gestão Ambiental para o CCEA.

SILVANA PAGGIARIN FLORES – TESOUREIRA DO CCEA